Agora pertenço a você, só a você.

As vezes, só as vezes dá uma saudade irracional de você. Saudade do seu jeito, do seu olhar, da sua forma de dizer o quanto eu te fazia bem e o quanto gostava de mim. Eramos amigos, bons amigos. Até um dia em que você decide declarar todo o amor que sentia por mim, e que só eu, por ingenuidade nunca soube. Eu sei que dariamos certo mas não, não queria me envolver com ninguem. Mas você com todo o seu jeito carinhoso e sua imensa paciencia -que só tinha comigo- conseguiu despertar em mim, um interesse diferente, muito além de uma simples amizade, o amor. Aos poucos, mesmo sem querer, eu conseguia conquistar você mais e mais, não sei como nem porque, e eu fui me apaixonando pelo seu jeito e pela linda forma como me tratava, e quando percebi, já havia entregado toda a minha vida e o meu mundo nas tuas mãos. É...você me conquistou, e dessa vez foi pra valer. Durante todo esse tempo eu nunca te falei um "Eu te amo!" ou até mesmo "Eu gosto de você!" porque realmente não havia nada dentro de mim que pertencesse a você. Mas hoje, qualquer uma dessas palavras são poucas demais para dizer o que sinto, pois o meu amor vai muito mais além do que você ou qualquer outra pessoa possa imaginar.

Por, Vivian Donatelli

9 Pessoas confessaram Amor Verdadeiro:

Igor Mascarenhas disse...

Achei bonito vc ser sincera com ele não falando o que não sentia. Mas quando paro para pensar eu fico na dúvida o que é amar alguem...

Lys Fernanda disse...

Acho que esse é o primeiro texto que li da Vivian e me surpreendi com a pronfudeza, com a exatidao dos sentimentos, adorei. Bom dia! *-*

Vivian disse...

Obrigada Igor. *-*

Que bom que você gostou Lys, espero que gostem dos outros que ainda estão por vir ;*

Jaquellinee disse...

A que lindo adorei, para mim te muito amor colocado nessas palavras. Bjs

O que Cintila em Mim disse...

"Lo que hacemos en vida resuena en la eternidad".

Thiara Ribeiro disse...

Tão doce esse tal amor! :)

Jackie disse...

Tem selo pra vc no meu blog =D

Keith disse...

Nossa, que lindo o texto, adorei mesmo, o amor é tão doce. Né?

http://destinazioneparadiso1.blogspot.com/

Gabriela Lauriano disse...

Muito lindo seu texto.
Me identifiquei muito com ele,e gostei da forma como vc escreve.
Beijos.

Postar um comentário